Ideias na Mesa - Blog


postado por Ana Maria Thomaz Maya Martins em Quarta-feira, 08 de Outubro de 2014

A Atenção Básica à Saúde pode estimular mudanças de estilo de vida, minimizando a morbimortalidade por doenças crônicas não transmissíveis e seu impacto na saúde pública. O diabetes mellitus e a hipertensão arterial estão entre os fatores de risco modificáveis para as doenças cardiovasculares e que podem ser controladas e prevenidas através de intervenções na Atenção Básica à Saúde. 

Com o objetivo de analisar o processo educativo com ênfase na educação alimentar e nutricional para pessoas com diabetes mellitus e hipertensão arterial, no âmbito da Atenção Básica à Saúde, foi realizado um estudo analítico-descritivo de natureza qualitativa. Esse estudo contou com a participação de profissionais de saúde e pessoas com diabetes mellitus e/ou hipertensão arterial, acompanhadas em Unidade de Estratégia de Saúde da Família do município de Vitória- ES.

artigo

A coleta de depoimentos por meio de entrevistas semiestruturadas permitiu a construção do estudo. Também foi aplicada a técnica do Discurso do Sujeito Coletivo para a análise das percepções sobre os espaços, os sujeitos, os resultados e os desafios das ações educativas na promoção de práticas de vida e alimentares adequadas. As ideias centrais destacadas no material discursivo foram utilizadas como substrato para a qualificação dessas ações, num processo compartilhado com os profissionais de saúde, em que se empregou a técnica dos grupos focais.

Ao fim desse estudo se percebeu que "as ações educativas para capacitação de pessoas com diabetes mellitus e hipertensão arterial, no âmbito da Atenção Básica à Saúde, estão ainda estruturadas no modelo assistencial hegemônico, de abordagem predominantemente higienista, que culpabiliza as pessoas por seus problemas de saúde e que desconsidera a participação da comunidade nos processos educativos a ela dirigidos". 

UBS

E você que trabalha na Atenção Básica à Saúde, como tem sido a sua vivência? E os seus resultados com a promoção da saúde e a prevenção das Doenças Crônicas Não Transmissíveis? A sua realidade é semelhnte a encontrada no artigo?

Que tal se insprirar nas experiências do Ideias para aprimorar suas ações na Atenção Básica à Saúde? 

Para ler o artigo na íntegra acesse: http://www.ideiasnamesa.unb.br/index.php?r=bibliotecaIdeias/view&id=256



Observatório Opsan UNB
facebook
twitter
Layout e programação do site Identidade visual
Faça o ligin para continuar!

clique aqui