Ideias na Mesa - Blog


Posts Relacionados com a(tag):Tristam Stuart

postado por Lucas Oliveira Teixeira em Terça-feira, 21 de Junho de 2016

A estrutura de produção e industrialização de alimentos está corrompida, o dizem. Usamos excessivamente agrotóxicos que contaminam nossos corpos e ambientes, distribuímos erroneamente a comida produzida, desmatamos nossas florestas, desperdiçamos nossas reservas de água, etc.


AFP/Archives


O [Pensando EAN] desta semana apresenta o discurso de Tristam Stuart, pesquisador, escritor, comunicador, empresário, e especialista nos impactos ambientas e sociais do desperdício de comida; em uma apresentação de seu TEDTalks, O escândalo global de desperdício de comida, tradução livre.

Stuart apresenta o desperdício e a exclusão de alimentos por motivos estéticos e superfluos como aparência e tamanho.

O autor sugere que um bom lugar para se começar a pensar sobre o desperdício são os supermercados. Suas lixeiras representam um colossal desperdício de alimentos, o diz. E conforme Stuart, "Quando você começa a subir a cadeia de abastecimento irá constatar onde o real desperdício de alimentos está acontecendo em uma escala gigantesca".


Sua análise é focada em aspectos comportamentais individuais, corporativos e estatais, o diagrama criado é o de uma cadeia alimentar na qual seus atores, em diversos níveis impactam, direta ou indiretamente, a problemática da fome, seja com o desperdício de alimentos sobressalentes, ou com a peneiragem estética, a qual os produtos primários são expostos.


Fazendeiros, por exemplo, descartam até um terço ou mais de suas colheitas, por conta de padrões estéticos. Tristam apresenta o exemplo de um fazendeiro o qual investiu 16.000 libras numa plantação de espinafre e nada foi colhido, a razão? Por haver grama crescendo entre eles. Bananas no Equador, Chirvias e laranjas na Flórida são descartadas pelos mesmos motivos.


 

 


Assista à palestra completa aqui:


 

 



Observatório Opsan UNB
facebook
twitter
Layout e programação do site Identidade visual
Faça o ligin para continuar!

clique aqui