Ideias na Mesa - Blog


Posts Relacionados com a(tag):Fórum

postado por Equipe Ideias na Mesa em Quarta-feira, 29 de Julho de 2015

Nos meses de junho e julho, a equipe do Fórum de Professores universitários escolheu o tema “Comportamento alimentar”, atualmente destacado pelo Novo Guia Alimentar da População Brasileira, como determinante no processo de autonomia dos indivíduos para a escolha das refeições.

Para tal, uma das professoras participantes do Fórum e reconhecida em publicações e pesquisas sobre o tema, Dra. Natacha Toral escreveu a respeito deste assunto. Acompanhe a última parte do texto que trata das barreiras e dos estágios motivacionais no aconselhamento nutricional:

 

Após identificar a série de determinantes que interferem nas escolhas alimentares dos indivíduos na Parte 2, professores, estudantes de Nutrição e nutricionistas devem refletir quanto à necessidade de se identificar os benefícios e barreiras presentes para a adoção de um comportamento, na visão do paciente/cliente. Assim como no caso dos determinantes, é válido um exercício identificando os benefícios e barreiras vislumbrados para enfrentar a mudança de um comportamento da sua própria alimentação. Recomenda-se o uso de uma matriz, na qual, após identificar o que se quer mudar na alimentação, sejam preenchidas as vantagens e desvantagens de realizar ou não tal modificação. Essa matriz estimula a reflexão do paciente/cliente (e, no caso, do aluno/nutricionista em formação) sobre seu próprio comportamento alimentar, sendo que o professor/nutricionista pode colaborar no seu preenchimento.

 

matriz 

          Já na década de 90, Assis e Nahas apontaram para a necessidade de inclusão de modelos teóricos na atuação do nutricionista em EAN. Na época, pouco se falava sobre o assunto, mas alguns avanços importantes têm surgido nos últimos anos. Vários estudos têm descrito teorias de comportamento que podem ser aplicadas à Nutrição, de forma a explicar e prever como se dá o comportamento alimentar dos indivíduos. Várias já foram descritas, como a teoria do ciclo da vida, a teoria social cognitiva, entre outras, que tem sua interface com a Nutrição. 

Outro exemplo é o Modelo Transteórico, que permite, entre outros aspectos, identificar cinco fases, chamadas de estágios, em que os indivíduos manifestam diferentes graus de motivação para mudar um comportamento de saúde, que pode ser sua alimentação. São elas: pré-contemplação, quando não pretende modificar sua alimentação num futuro próximo; contemplação, quando reconhece suas práticas alimentares como inadequadas, mas ainda visualiza diversas barreiras para modificá-las; preparação, quando está decidido a alterar sua dieta nos próximos dias; ação, quando alterou determinadas práticas alimentares nos últimos meses; e manutenção, quando manteve sua mudança por mais de seis meses.

Apesar de esta teoria ter surgido com foco voltado para indivíduos, no caso, tabagistas, grande parte da literatura científica sobre o assunto que trata da teoria voltada para a alimentação aponta para resultados de pesquisas com grupos. Essa situação gera a dúvida: vale a pena falar de teorias como essa na formação dos Estudantes de Nutrição e Nutricionistas? Como fica a parte prática, como usar isso no dia a dia do nutricionista que atende em consultório? Para cada estágio, cabem ser adotadas estratégias diferentes numa intervenção nutricional. Em sala de aula, os alunos podem tentar identificar o que fazer em cada estágio, considerando as características dos pacientes classificados em cada fase. De forma geral, o quadro a seguir mostra o que fazer com a abordagem individual em cada estágio de mudança.

tabela estágios

           Muitas das dificuldades do professor em trazer esses temas para as aulas de EAN na graduação em Nutrição e dos próprios nutricionistas no campo profissional estão relacionadas com a dificuldade de trabalhar com conceitos de outra ciência, a Psicologia. Contudo, é inevitável passar por ela se o tempo todo estamos falando de comportamento, isto é, do comportamento alimentar dos indivíduos. O receio não exige que o nutricionista se torne um psicólogo, mas que este saiba aspectos importantes que devem ser trabalhados nos indivíduos para que novas atitudes sejam geradas e que comportamentos sejam mudados para adotar uma alimentação mais saudável por mais tempo. Cabe ainda ressaltar que o atendimento multiprofissional, em que o nutricionista, com o apoio de um psicólogo para discutir casos ou pelo menos indicar seus pacientes/clientes e saber sua evolução, é também um ponto muito positivo.


 

Professora Dra. Natacha Toral

Graduada em Nutrição pela Universidade de Brasília (2002), especialista em Adolescência para Equipe Multidisciplinar pela Universidade Federal de São Paulo (2003), Mestre e Doutora em Saúde Pública pela Universidade de São Paulo (2006 e 2010). Atuou como consultora técnica da Coordenação Geral da Política de Alimentação e Nutrição do Ministério da Saúde de 2006 a 2010. Atualmente, é professora adjunta do Departamento de Nutrição da Universidade de Brasília. Tem experiência na área de Nutrição, com ênfase em Nutrição em Saúde Pública, atuando principalmente nos seguintes temas: comportamento e consumo alimentar, adolescentes, Modelo Transteórico e perfil nutricional de populações.

Bibliografia completa das 3 partes:

Amparo-Santos L. Avanços e desdobramentos do marco de referência da educação alimentar e nutricional para políticas públicas no âmbito da universidade e para os aspectos culturais da alimentação. Rev. Nutr. 2013; 26(5):595-600.

Assis MAA, Nahas MV. Aspectos motivacionais em programas de mudança de comportamento alimentar. Rev. Nutr. 1999; 12(1): 33-41.

Brasil. Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Marco de referência de educação alimentar e nutricional para as políticas públicas. Brasília, DF: MDS, 2012.

Esperança LMB, Galisa MS. Empowerment: Magia do Poder na Comunicação. In: Galisa MS. Educação Alimentar e Nutricional - Da Teoria à Prática. São Paulo, SP: Roca, 2014.

Monteiro RA. Influência de Aspectos Psicossociais e Situacionais sobre a Escolha Alimentar Infantil. 2009. [Tese de Doutorado]. Brasília, DF: Universidade de Brasília. Instituto de Psicologia; 2009.

Rodrigues EM, Soares FPTP, Boog MCF. Resgate do conceito de aconselhamento no contexto do atendimento nutricional. Rev. Nutr. 2005; 18(1):119-128.

Story M, Neumark-Sztainer D, French S. Individual and environmental influences on adolescent eating behaviors. J. Am. Diet. Assoc. 2002; 102 (3 Supplement), S40-S51.

 



postado por Maína Pereira em Quinta-feira, 07 de Agosto de 2014

banner forum

Para quem gosta muito de conversar e trocar ideias sobre diversos temas, o Fórum da rede é um ótimo espaço para isso!

O Fórum do Ideias na Mesa é um espaço para discussão e compartilhamento de conhecimentos, dificuldades e desafios na área de Educação Alimentar e Nutricional.

Para participar é simples. Basta se registrar no fórum e pronto: já pode comentar nos tópicos de discussão!

No momento existem três quadros temáticos:

arvore de ideiasAtualidades: aberto a todos os usuários registrados, esse quadro aborda temas das atualidades relacionados à Alimentação e Nutrição no contexto social.

Nessa semana lançamos um novo tópico para discutir sobre as alegações utilizadas nos rótulos de alimentos como o termo "natural". Estratégias de marketing muito usadas pelas empresas do ramo alimentício e que tem gerado grandes lucros mas que também podem confundir os consumidores a acreditarem que certos produtos alimentares são mais saudáveis do que realmente são.

Cursos online: Esse é um espaço de diálogo sobre a temática abordada nos cursos da rede como o de "Educação Alimentar e Nutricional: uma estratégia para a promoção do Direito Humano à Alimentação Adequada". Depois de ter feito o curso, aproveite o fórum para compartilhar experiências, dificuldades e desafios vivenciados na prática relacionados com a Educação Alimentar e Nutricional (EAN).

Formação profissional: se você é docente da disciplina de Educação Nutricional, aqui é seu espaço. Com acesso restrito a esse público, o fórum de professores tem o objetivo de possibilitar um espaço para o compartilhamento das vivências no ensino de EAN nos cursos de graduação em Nutrição. Para participar é necessário solicitar a inclusão no grupo pelo e-mail: ideiasnamesa@unb.br.

Você também pode sugerir temas para serem discutidos em nosso fórum. Basta enviar sua sugestão para nossa equipe! 

E aí, vamos participar?

Segue um passo-a-passo sobre o cadastro:

  1. Entrar no site do Ideias na Mesa e clicar no espaço “Fórum” ou ir direto pelo link: http://forum.ideiasnamesa.unb.br/;
  2. Para se cadastrar, basta clicar em “Registre-se” e iniciar o cadastro (sem cadastro é possível ver as discussões, mas não é possível contribuir);
  3. Logo após, aparecerá uma tela com o Acordo de Registro que deverá ser lido para que todos os termos sejam aceitos;
  4. A próxima etapa é preencher o formulário de registro com seus dados pessoais, e-mail e senha;
  5. Para finalizar, basta clicar em “Registre-se”;
  6. Logo em seguida, a administração do fórum receberá um e-mail para ativar a sua conta.
  7. Pronto! Agora é só comentar nos tópicos de interesse!




postado por Marina Morais Santos em Terça-feira, 11 de Março de 2014

Carnaval passou, mas o ano do Ideias na Mesa já começou faz tempo! Você já percebeu as novidades que lançamos nesses últimos meses?

Confira tudo aqui!

biblio

Biblioteca

Para o ano de 2014, reorganizamos a nossa biblioteca (acesse aqui). Agora, está bem mais fácil e ágil consultar o acervo de artigos, publicações, vídeos, galeria de fotos e cursos compartilhados pela nossa equipe para você! São diversos temas e frequentemente colocamos em destaque arquivos que você precisa conhecer e que estão relacionados a temas abordados no momento em outros recursos da rede. 

Você também pode contribuir com arquivos para publicarmos lá! É só nos enviar um e-mail com o material: ideiasnamesa@unb.br

fórun

Cursos

Em fevereiro foi lançado o primeiro curso de autoaprendizado online da rede: Educação Alimentar e Nutricional – uma estratégia para promoção do Direito Humano à Alimentação Adequada.

O curso é totalmente a distância e objetiva promover o Direito Humano à Alimentação Adequada por meio de ações de Educação Alimentar e Nutricional. Ele é destinado a profissionais que atuam com as famílias do Programa Bolsa Família e a todos os interessados no tema. Com carga horária de 30 horas, os interessados podem realizá-lo de acordo com sua disponibilidade.

Para participar não é necessário inscrição nem cadastro prévio, basta acessar o link aqui

Blog

Este ano o blog está com uma nova proposta. Com atualizações diárias, foram criadas colunas temáticas para uma melhor comunicação entre a equipe e os usuários. O intuito é contribuir com novas ideias e reflexões sobre Alimentação e Nutrição com foco na Educação Alimentar e Nutricional. Fique ligado(a) nas novas seções do blog Ideias na Mesa:

Você no Ideias: para começar a semana inspirados(as), esta seção (publicada todas segundas-feiras) propõe divulgar uma experiência já publicada na rede e as percepções dos usuários em relação às dificuldades e desafios da prática de EAN.

Quer ver você no Ideias na Mesa? Fala com a gente aqui!

Pensando EAN: terça-feira é dia de refletir! Nessa seção são publicadas reflexões e citações breves de especialistas e profissionais da área sobre diversos temas relacionados à EAN.

Biblioteca do Ideias: Com mais de 100 arquivos na nova biblioteca fica muito difícil decidir qual conhecer primeiro. Pensando nisso, toda quarta você receberá dicas de arquivos da nossa biblioteca.

Mais que Ideias: Nas quintas-feiras, teremos um espaço para apresentar novas iniciativas em Educação Alimentar e Nutricional e também propor ideias práticas para os usuários. Uma seção para se inspirar e praticar!

Comida na tela: E para fechar a semana, nada melhor do que ver um vídeo, assistir um filme ou ficar por dentro de tudo que passa “na tela” que esteja relacionado à alimentação. Essa é a proposta do Comida na Tela!

 fórun

Fórum

Para possibilitar maior interação e comunicação entre os usuários, a rede Ideias na Mesa acaba de lançar um fórum de discussão.

Espaço para diálogo de diversos temas relacionados à Educação Alimentar e Nutricional, o fórum do Ideias poderá ser utilizado por todos os usuários. Para participar, é necessário fazer um registro rápido e clicar no tema de interesse para incluir comentários.

O primeiro tópico de discussão criado e já disponível é sobre o curso online sobre o uso da EAN como estratégia na promoção do Direito Humano à Alimentação Adequada. O que você tem a dizer sobre isso? Participe aqui!

Há também a possibilidade de conversas restritas para grupos específicos, como no caso do grupo de Professores de graduação em Nutrição da disciplina de Educação Alimentar e Nutricional. Caso você seja docente e tenha interesse em compor o grupo, favor nos enviar um e-mail

O que vem por aí!

É claro que as atividades não param por aqui! Aguarde mais novidades que já estão no forno para serem lançadas em breve aqui na rede! Contribua também com mais ideias, sugestões e experiências para fortalecermos a EAN no país e no mundo! Que venham muito mais ideias para nossa mesa!



Observatório Opsan UNB
facebook
twitter
Layout e programação do site Identidade visual
Faça o ligin para continuar!

clique aqui